Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eu tento, mas meu tento não consegue!

E pior do que não conseguir é nunca ter tentado... Bem vindo! Faça de conta que está em casa :)!

Eu tento, mas meu tento não consegue!

E pior do que não conseguir é nunca ter tentado... Bem vindo! Faça de conta que está em casa :)!

Pela A4....

carro carregado.jpg

 De certeza que todos conhecem a loja IKEA, e de certeza que sabem que o cliente é quem monta os móveis, e os carrega, caso não queira gastar mais. Por isso os móveis lá são baratos! A mão de obra transportar-montar não é equacionada na conta!

 

Como vamos fazer umas mudanças aqui em casa decidimos comprar os móveis lá, na Suécia IKEA, como tal, e dado que temos uma monovolume versátil, há que retirar parte dos bancos traseiros e carregar a carripana o mais que pudermos. Aliás! Como se o carro já não fosse suficientemente cheio por dentro ainda metemos, bem... meteram os homens da casa que eu só fiquei a olhar, mas para todos os efeitos conto na equação. Como ia dizendo, metemos um colchão e umas portas de um guarda-fatos no tejadilho!

 

Estão a imaginar bem a cena? Carro a abarrotar, só com o espaço para o meu filho, eu e, claro, o condutor nos sentarmos. E, como já disse, colchão e portas grandes no tejadilho. E vai de sair então rumo ao quente Nordeste Transmontano eram as 21:00h, ainda não tínhamos jantado, mas fartos de andar naquele shopping, e mortinhos para chegar a casa, combinamos buscar qualquer coisa e comermos pelo caminho.

 

Íamos nós pela A4 e o catano do carro começa a solavancar! Solavanco daqui e dali o meu marido, o senhor condutor, tem tempo de encostar antes de o carro morrer definitivamente!!!

 

Irra! Temos o carro mais do que carregado e tinha mesmo que avariar agora???!!! Ainda por cima na autoestrada com uma estação de serviço mesmo à frente!!! Não! Isto não está a acontecer! Mas estava....

 

Vá vamos então colocar o  de sinalização de carro avariado. Péra aí! Onde acham que está a porra do triângulo?!

 

Acertaram. Por baixo de toda a tralha metida no carro junto ao pneu sobresselente. Que se lixe o triângulo!

 

Toca a activar a assistência em viagem. É disponibilizado um reboque, e ficamos a saber que não pode levar o carro, carregado de coisas, até nossa casa!!! Ó não!!!

 

Vá, menos mal, o local onde o reboque irá ficar, com o nosso carro, é fechado e não existirá a hipótese de assalto (era o que faltava...). Estávamos num sábado e combinamos com o motorista do reboque que poderia levá-lo segunda de manhã, isto para não lhe estragar o fim de semana, visto que a garagem para compor a avaria só estaria aberta da segunda. Não sabia eu na altura que só voltaria a ver o meu carro na segunda às 19 da tarde e com um outro motorista de reboque furioso porque o colega de sábado quis foi passar o serviço! Adiante...

 

Quando o táxi chegou para nos levar, o meu marido tem o lampejo de verificar se o colchão do tejadilho estava bem preso, não fosse ainda haver mais azar. Quem adivinha?

 

Não sei se se lembram que no tejadilho estava um colchão e umas portas grandes. Pois, as portas estavam quase a cair!!! Ó valha-me um santinho de meias rotas!

 

Há que rebater o banco da frente do acompanhante, colocar as portas grandes no carro e rogar ao motorista do reboque que colocasse mais uma corda no colchão só para o caso de....

E lá seguimos, finalmente, rumo à nossa querida casinha, eram às 23 da noite....  de estômago vazio, e sem vontade de ver comida à frente, só querendo uma cama que não tivéssemos que montar e transportar...

 

 

É para amanhã....

A crise informática está finalmente resolvida! Ufa! Desde  domingo 17 de junho que tem sido uma verdadeira epopeia resolver esta crise e talvez valha a pena fazer uma pausa das reflexões e abrir uma aspas aqui para a minha vidinha.

 

Ora então, domingo este computador resolveu não ligar mais, o entendido cá de casa, que eu não pesco niente, diagnosticou problemas na placa mãe e provavelmente no processador - tradução: "O PC está mesmo  finado, precisamos de soltar o papel do nosso bolso, e tu não vais teclar nem fazer o que querias nestes 4 dias de férias..."

 

Depois de algumas pesquisas realizadas já se sabia qual a nova placa a encomendar e tínhamos duas hipóteses:

1- encomendar via net e chegaria na terça,

2- encomendar numa loja aqui à beira e chegaria na terça, apesar de ficar 5 euros mais cara.

Ora, por 5 euros seria preferível promover o comércio da zona e até porventura ter mais apoio (não que fosse preciso muito mas é sempre um conhecimento), resolução tomada está de encomendar a dita aqui na lojeca do lado.

 

Terça feira chega o embrulhito à tarde,  contrariamente ao que habitual, pois parece que as encomendas costumam chegar de manhã (e aqui começa já a encrenca) mal "temos" um tempito dirigimo-nos à caixinha mágica de bits e bytes e... e o raio da placa mãe não encaixa! Voltas e mais voltas e não é que se enganaram na encomenda!! A loja tinha acabado de fechar... agora só amanhã...

 

Quarta-feira, mal a disponibilidade permita, mais uma ida à loja e o senhor responde "Ah! O fornecedor não tinha da que queria e mandou esta."

"Mas então eu deixei o meu contacto podia ter-me avisado que eu tentava encontrá-la! É que precisamos do computador e não era esta a placa que eu queria!" (imaginem a cara mais estupefacta que conseguirem)

"Eu vou ver se encontro noutro lado..."

Aghhh!!! Era o que devia ter feito logo!!!

"Mas por favor diga-me se não conseguir com os seus fornecedores para eu poder saber o que fazer"

Este diálogo foi de manhã, por volta das 10:30 e a resposta deveria sair em 15 minutos no máximo, dizia o senhor. Ao fim da manhã, nada de resposta... mas uma telefonadela à dita loja eficiente "Então?"

"Ah, então... não consigo!"

Aghhhh!!!

 

Quarta-feira à tarde encomenda rápida via net, entrega até às 13:00 do dia seguinte por transportadora.

 

Quinta-feira 13:00, toda a manhã à espera do telefonema da transportadora, como é habitual fazerem, e nada... chegaria a casa em 5-10 minutos para receber a encomenda se tivessem telefonado, ou então pediria a um vizinho que a recebesse, mas nada!! Não acredito...

Chegada a casa às 13:15 e um papel na caixa de correio indica que tinham passado por lá e como não estava ninguém (esqueceram que se podia estar a trabalhar) foram embora. Mais um telefonema, desta feita, para a transportadora

" Então não é costume telefonarem a avisarem que estão perto e a verificarem se está alguém para receber a encomenda"

"Nós não costumamos telefonar, se não estivar ninguém tentamos outra vez e depois só no dia seguinte" (gostam de ter trabalho e de complicar)

"Então só amanhã!?!"

"Sim... lamento"

 

Mas afinal os senhores da transportadora não andavam por longe e resolveram voltar para trás e às 15:30 a placa estava em casa!

QUINTA-FEIRA ÀS 15:30!

 

Se tivéssemos resolvido encomendar logo pela net teria estado em casa na terça-feira no máximo até às 13:00!

Eu bem tento promover o comércio local mas o meu tento não consegue, e eles não dão uma ajudinha!!!

Do contra

 

 

Tentativas indisponíveis temporariamente

 

O meu querido computador resolveu estar do contra! E chateou-se definitivamente com a placa mãe, e  ao que parece, a zanga também se estendeu ao processador...

Até resolver esta crise familiar eu não posso fazer tentativas...

 

 

PS- Também não poderei fazer as minhas visitas virtuais ao blogues que sigo, a menos que consiga surripiar, por espaços de tempo curtos, o portátil, isso se  eu o convencer a deixar-se manusear por mim, este é esquisito! Só gosta do dono e só sabe andar com ele para todo o lado...

 

 

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Posts mais comentados

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D