Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eu tento, mas meu tento não consegue!

E pior do que não conseguir é nunca ter tentado... Bem vindo! Faça de conta que está em casa :)!

Eu tento, mas meu tento não consegue!

E pior do que não conseguir é nunca ter tentado... Bem vindo! Faça de conta que está em casa :)!

Abéculas

cz2.jpg

 A quem tira a carta de condução deveria ser exigido que antes de pegarem num volante desenhassem perpendiculares!!! Muitas!Resmas!

 

Porque agora julgo que se contam pelos dedos, de uma mão, os condutores que as fazem e as abéculas que se enfiam à bruta e se desviar desviou senão que saísse da frente!

 

E não me façam falar de prioridades...

A manete não funcemina!

 

Agora tentem lá explicar-me.

 

Como é que se explica a alguém que aquela coisinha que está no carro e que alguns lhe chamam "Manete de velocidades" também serve para fazer o carro andar para trás?

 

Este senhor pelos vistos não sabe! Como passeio o cão sempre à mesma hora consigo ver que este digníssimo condutor vai tomar café também à mesma hora, e vai de meter o carro de frente invariavelmente SEMPRE em cima da passadeira! Mesmo que exista um lugar de estacionamento bem atrás! Lugar esse que também está lá bem atrás diariamente.

 

Não resisti em presentear os meus caros amigos Bloguers com esta pequena amostra de como deve ser um bom povo.

"Estou-me nas tintas se isto é uma passadeira!"

"Carrinhos de bebé e crianças amanhem-se"

"Peões passem por cima e arrisquem-se! Afinal precisamos de adrenalina!"

"Civismo? Qu'é isso?"

 

E detenho-me a pensar... que se passará na cabeçorra daquele tipo?

"Que são estas lindas linhas brancas no chão? Olha! Debem ser grafíteres! Eles agora dão-lhes para pintar em cada sítio! Até na estrada os maganos!"

 

 

 

Actividade cansativa...

Tenho vindo a notar que conduzir é uma actividade cansativa e que os automobilistas em geral fazem de um tudo para evitar o cansaço acrescido....

 

Estacionam em cima da passadeira (esta já tem barbas...) mesmo que a um metro mais à frente exista um lugar vaziíssimo, à espera de alguém menos preguiçoso e que não queira parar mesmo em cima do "acontecimento"! Aliás tenho a sensação, ou melhor, a certeza de que se desse para ir vitrina adentro da loja pretendida, muita gente o faria!!

 

Não reduzem a velocidade nem travam;

 

- quer para deixar passar algum peão, mesmo que este esteja em cima da passadeira, à espera que alguma alma caridosa  decida que o pé direito e mão direita precisam de fazer algum exercício

 

- quer para deixar passar algum automobilista, mesmo que o trânsito esteja encrencado na via para onde eles  se dirigem.... então eles fazem questão de passar, mesmo  que para isso ainda  "inquizinem" mais a cena!

 

 

 Existem coisitas simples que aprendemos na escolinha e em outros sítios por aí tais como:

 

Ligar os quatro piscas, colocar o colete reflector, colocar o triângulo de sinalização a uma distância nunca inferior a 30 metros dos veículos sinistrados, ou parado na via, e visível pelo menos a 100 metros; e se o dito veículo estiver depois de uma curva o triângulo deverá ser colocado antes desta!


No entanto maravilhoso triângulo, que deverá existir em todos os automóveis - se não estiver ARRANJEM UM -

ou não é colocado, e se for é mesmo em cima do acontecido que é para ver se damos que fazer à GNR e ao INEM e claro aos ferro-velho e as agências de seguros! É que estamos em crise e temos que lhes dar trabalhito....

Ah! E o colete reflector é para enfeitar o assento, tirá-lo de lá ainda o amarrota!!

 

E não me façam, peço não me façam falar dos estacionamentos em cima do passeio, porque quem vai dar que fazer à GNR e a mais alguém sou eu! Pois não existe um dia que não me façam realizar malabarismo com o volante, só porque decidem estacionar no passeio em frente à minha casa, que por acaso fica numa rua de dois sentidos, mas isso é óbvio!

 

Eu juro que eu tento não ir aos arames e entrar no meu maravilhoso e bem apreciado estado  "zen", mas às vezes o meu tento não consegue....

 

Aulas de condução??! Mas eu já sei conduzir!

Tenho alguma dificuldade em perceber o que alguns condutores aprenderam nas aulas de condução!

 

O meu instrutor, era muito exigente.

- "faça a perpendicular" - e tinha que ser feita, quase parecendo que tinha usado um esquadro

 

- "pare na passadeira para deixar passar os peões" - nem que estes ainda viessem a uns 500m da passadeira e não se soubesse se a intenção deles era a de a atravessar

 

- "ponha as duas mãos no volante, com polegares a apontar para fora e afastadas" - os polegares a apontar para fora tive alguma dificuldade em compreender, mas ele dizia que era para eu não me agarrar demasiado ao volante e poder movimentá-lo com mais facilidade (ele lá sabia)

 

- "faça o  sinal luminoso para esquerda antes de um obstáculo na via" - que podia ser um carro, um caixote, ou qualquer outra coisa que estivesse a reduzir o espaço da minha via

 

- "faça o sinal para mudar de direção, antecipadamente" - ok! ok! Eu faço o "pisca"

 

 

 

O que vejo agora são senhores condutores que, ou devem querer nova pintura e/ou querem oferecer uma, já que fazem tangentíssimas, porque não sabem o que é uma perpendicular! Ainda não me pagaram uma pintura, mas já me pregaram uns bons sustos e a minha cervical anda a queixar-se das travagens que faço à última para não bater.

 

E os "piscas"? É um fado! Ou:

 

1 - Não fazem o "pisca": E eu que adivinhe se querem parar. Virar à esquerda ou à direita. Sair do estacionamento. Entrar no estacionamento... Enfim... são do tipo que acham que o pisca é um acessório sem serventia no automóvel, por eles até o podiam tirar e por lá um catavento que ia dar ao mesmo
2 - Fazem o pisca, mas em cima do acontecimento. O que vai dar ao mesmo mas se bates... "eu fiz o pisca, pá!"

3 - Andam sempre com o pisca ligado. Na autoestrada, na via rápida, nas estradas nacionais... não se vá dar o caso de precisarem e assim já está!

 

Parar na passadeira!? Que é isso?

Já vi muito boa gente a ficar com a roupinha amarrotada porque, o condutor que vem atrás "na sua" não sabe porque cargas de água o "gajo" da frente resolveu parar nas listas brancas paralelas, que por acaso estão na estrada mas até podiam estar em outro sítio. E vai daí dão com alguém sossegadinho que resolveu (não sabe o dito condutor porquê) passar à frente do "gajo" que resolveu parar antes das tais listas brancas!

 

Quanto às duas mãos no volante...Já vi:

uma mão no volante e outra estendida ao sol,

uma mão no volante e outra no cigarro,

uma mão no volante e outra no telemóvel,

uma mão no volante, uma perna na janela e a outra em cima da perna, (a sério)

uma mão no volante e outra nas mudanças, sempre! Mesmo que não seja provável mudar de velocidade nos próximos 100 km.

uma mão no volante e outra, nem quero saber onde.

 

Eu por mim fiquei com o "trauma do instrutor", (se não existe passa a existir, é só mais um!) e sempre que tiro a mão do volante só ouço aquela voz possante "Ponha as duas mãos no volante". E olhem que às vezes bem me apetece tirá-la, mas a minha boa educação não o permite... eu bem tento, mas o meu tento não consegue...

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D