Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

O circo...

 Hoje não vou brincar... hoje não consigo retirar o cómico, pois existe algo que me incomoda... não desde agora mas desde sempre... desde que me conheço como ser pensante!

 

Acho triste a maneira como algumas pessoas tratam os animais. Penso que não temos o direito de lhes infligir sofrimento só porque, por acaso, o ser humano está no topo da cadeia alimentar!

 

Este fim de semana passei por um cartaz de um circo que tentava (e certamente conseguia) atrair público chamando a atenção para o facto de possuírem lobos e ursos no seu espetáculo! Ora parece-me que criaturas "selvagens" como lobos, que são essencialmente animais de matilha, e ursos estarão melhor no ambiente para o qual foram destinados, ou seja, em plena liberdade....

 

Em criança levaram-me ao zoológico, pois sempre manifestei uma certa "paixão" pelos animais, os meus pais estavam à espera de mais entusiasmo mas tal não aconteceu pois, uma vez em frente à jaula do tigre, a tristeza invadiu o meu pequeno ser e não parava de dizer que "não gostei de ver o animal grande preso atrás das grades" e que "alguém o devia tirar de lá..."

 

Voltei lá na fase adulta e voltei a parar  em frente à jaula do tigre, senti a sua tristeza tal como o havia sentido em criança... ainda ninguém o tinha tirado de lá... andava às voltas no espaço exíguo... encurralado...

 

Parei em frente à jaula do gorila e uma vez aí uma lágrima teimava em sair  pois o olhar deste maravilhoso primata  parecia exprimir uma profunda  angústia ... nunca mais voltei ao zoológico e dificilmente o farei!

 

Felizmente mais pessoas partilham os meus ideais.

Devemos muito aos animais. Não estou com isto a dizer que devíamos ser todos vegetarianos! Mas acho que merecem o nosso apreço e respeito, pois alimentam-nos, fornecem alguma matéria prima para vestuário, ajudam em quintas e em montanhas de outras atividades e alguns, tal como o meu querido amigão, dão-nos o prazer de existirem e amarem-nos sem preconceito  e sem limites!

 

Talvez é chegada a altura se se fazer algo contra as imensas atrocidades que se vem cometendo contra esses seres que partilham este planeta connosco. E felizmente já algo se tem feito, mas não paremos!

 

 

Eu tentarei sempre fazer-me ouvir e espero que o meu tento consiga... e muitos tentos farão mais força que um só ;)

 

 

6 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D