Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

O que estamos a criar?

Imagem retirada daqui

 

 

Tenho sérias dúvidas sobre o rumo que segue a nossa sociedade o nosso mundo!

 

Hoje ao ler uma notícia que fala de um jovem espanhol que foi após uma intervenção cirúrgica, em que lhe foi colocada uma prótese externa ao joelho, descobriu que esta tinha que lhe ser retirada porque não a conseguia pagar! Tendo que ser submetido a nova cirurgia para colocar uma interna! Esta prótese permitir-lhe-ia ter uma qualidade de vida melhor mas custava algo que ele não poderia pagar, 152 Euros.

 

Felizmente, ao que parece, levantou-se uma onda de solidariedade para ajudar este jovem.

 

Mas quantos não são ajudados por não terem esta exposição mediática?

 

Para onde caminhamos?

Lutamos pela igualdade, mas existem uns mais iguais que outros.

 

O direito a cuidados de saúde iguais sem olhar a quem deveria sem um dos pilares da nossa sociedade. Mas não! O que crescem são as clínicas privadas como cogumelos, tratamentos impossíveis de pagar e cuidados que só são prestados a que tem dinheiro para os pagar. Isso será justo?

 

Todos nascemos iguais, ou assim deveria ser. Mas o mundo transforma tudo... Um grau académico dá uma diferença de tratamento, as notas e moedas também o fazem e a posição social idem aspas!

 

Ainda hoje me diziam no serviço, quando eu disse que todos deveríamos ser iguais, "Isso não pode acontecer! Seria uma anarquia!!"

E isto? São capazes de me dizer o que é isto?

 

Uma sociedade onde impera a desigualdade, onde uns tentam sempre ser mais do que os outros, ter os tais "favores", o factor "C", onde uns são tratados com deferência e outros com cara fechada ou às "pedradas"? Isto o que é?

 

E todos nós nos deixamos conduzir por esta desigualdade, com menos ou mais consciência que ela existe mas deixando que ela impere. Triste....

 

 

 

16 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D