Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

According Spelling

menino-escrevendo.jpg

 Digam-me, quantos de vocês acharam o meu título em inglês estranho?

 

Talvez alguns, mas não passaria daí. Achariam estranho mas normal.

Assim como é normal irmos a "Workshops". Assim como em conferências, ou seminários, é frequente, e normal, escreverem no programa o "coffee break", e termos até alguns títulos em inglês. Ninguém acha estranho andar pelas ruas e ver grande parte das nossas lojas com nomes escritos em inglês, e obviamente não falo daquelas com marca importada. É normal fazermos running, cycling e termos health clubs!

Escrevemos post em vez de artigos! Temos montanhas de títulos de blogues, de portugueses, em inglês! E tudo isto é aceite, considerado "in" (sim, é de prtopósito esta), normal e é mais do que frequente!

 

Agora alguém me explica o porquê de tanta celeuma por causa do acordo ortográfico?

 

Quanto todos os dias assassinamos a nossa língua materna? 

A substituímos incessantemente por palavras que até temos em português por outra língua diferente da nossa!!?

 

É que não faço objecção a objeção, mas faço a objection! E convenhamos, mesmo sem o "c" é mais parecido com o que já usávamos!

Claro que é difícil a adaptação! Obviamente que não concordo com algumas mudanças e até acho estranho escrever de forma diferente daquilo a que estava habituada.

 

Eh páh! Mas acho muito mais estranho ler um programa de um ginásio com a maior parte das  actividades escritas em Inglês! Deveras preocupante ver num seminário, em Portugal, onde só irão portugueses (e nem que assim não fosse!) ver que não temos intervalo para café e temos um coffe break! Ver que deixamos de ter reuniões e passamos a ter brifing! Deixamos de ter oficinas de trabalho e temos os Worshops! Deixaram de existir questionários para existirem os "Quiz"!!!

 

A sério, qual é o problema do povo português que importa tudo quanto é "inglesismo" e acha estranho retirar um "c" das palavras, mudar um ou outro hífen e uns acentos? Não será drama a mais?

 

 
 

Acordo ortográfico

Já muita tinta correu sobre este tema, já está tão batido que quase nem ouço mais ninguém dar a sua valorosa opinião sobre o mesmo.

 

Mas hoje o assunto veio outra vez à minha mente, e até é algo que já me apoquenta faz algum tempo...

 

Acho que o acordo ortográfico está muito mal feito, aliás acho que nem deveria existir acordo!

 

Era mais simples  falarmos logo o inglês de uma vez e pronto assunto resolvido.

 

Aliás ao correr este nosso Portugal ficamos com a dúvida se não estaremos numa colónia inglesa! Ou será que escrevemos e articulamos muitas palavras em inglês para que estes se sintam em casa quando nos dão o ar da sua graça, tipo aquela ideia de Allgarve!

 

Abundam pelo nosso país,

 

"Roadshow", as antigas exposições itinerantes!

 

As lojas "ninety-nine", referindo-se a tudo o que está lá dentro  e que custará menos de 1 euro...

 

Os nomes em inglês de comércios, cafés, restaurantes, discotecas, grupos musicais.... que perdem a piada (se é que alguma vez a tinham) se pronunciados em português.

 

(- E permitam-me um à parte - tenho a sensação  que se alguém caísse de para-quedas em Portugal, numa rua qualquer das nossas cidades, e não soubesse em que país se encontrava, não se elucidaria logo... pois se olhasse para  a direita veria nomes em chinês, dessas lojas que surgem como cogumelos, e  à sua esquerda estariam a "kiss" ,"part-time", "style", "Health sport center club", "café power". Até eu fico em perfeita confusão e não caí de para-quedas!)

 

 

Os coffee break realizados nas formações, pois nem seria uma verdadeira pausa se não estivesse em inglês, aliás até acho que se estivesse escrito "intervalo" ou "intervalo para café" os formandos ficariam desorientados, chegando até a questionar-se quem seria o orador daquele tema e quando poderiam ingerir o seu "cofee"!

 

E as crianças e jovens que já não sabem responder a questionários mas só a "quiz"...

 

Adultos que arreganham os dentes ao acordo ortográfico mas possuem "e-mail" e não "endereço electrónico". E realizam "briefings",  vestem "jeans" e seguem as "guide-lines"!

 

E mais existiria a dizer sobre o assunto, mas vou vestir um casaco pois estou com frio com a "t-shirt" e vou editar este "Post".....{#emotions_dlg.blink}

 

Eu bem tento mas meu tento não consegue!

 

 

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Posts mais comentados

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D