Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

Exploração infantil?

Kristina1.jpgA menina da foto dá pelo nome de Kristina Pimenova, está considerada a menina mais bonita do mundo por agências de modelos especializadas.

 

Fazendo um pequeno aparte no assunto que queria falar, deixem-me que diga que isto de usar o grau do adjectivo superlativo relativo de superioridade (estive a estudar Português com o meu filho...) e considerar alguém "a(o) mais" bonita, a(o) mais sexy, a(o) mais magra, a(o) mais mal vestido ou bem vestido, é de facto extraordinário. Dá-me ideia que alguém andou a realizar uma volta ao mundo para averiguar e comparar as qualidades, às vezes os defeitos, para poder realizar uma lista com direito a lugar de pódio e enumerar por ordem decrescente o resto do pessoal.

 

Voltando então a menina, que de facto é extraordinariamente bela, há em torno dela uma polémica pois muitos consideram que ela está a ser explorada pela mãe. A mãe também modelo, refere que a criança, que tem 9 anos, se diverte e gosta das sessões fotográficas.

 

Acredito na mãe. A maior parte das meninas gostaria de experimentar roupas e fingir que são modelos, neste caso não é ficção. A verdade é que muitos consideram o perigo da exposição desta criança em fotos em que se diz que está com ar provocador.

Kristina2.jpgIsto gera comentários pouco próprios para a idade da menina e os pedófilos estão por toda a parte.

 

Surgem então as minhas questões. Ando numa de questionar o que vejo, faz bem e deve prevenir a visita do Alemão o Sr. Alzheimer.

Será a foto que está mal, ou a será antes a forma como muitas mentes mentecaptas olham para ela?

Tudo bem, posso concordar que isto é de certa forma exploração infantil.

Mas e então as crianças que participam em filmes, muitos até violentos? Não será exploração?

E as crianças das telenovelas, que muitas vezes pela intensidade das gravações os estudos ficam para segundo plano?

 

Mas a verdade é que o mundo não é perfeito e existem pessoas com uma mente nojenta, asquerosa, e vil. E  se eu tivesse uma filha, com ou sem o tal grau de adjectivo, não me sentiria bem sabendo que alguém a observaria não como uma criança, com o olhar inocente, mas antes como um objecto sexual. Isso assusta qualquer mãe!

Kristina3.jpg

 

 

 

Companheiros, amigos, fieis...

Não! Não vou falar de maridos nem de esposas,... ;)

 

Não foi há muito tempo que existiu uma agitação devido a um cão que tinha morto uma criança, também me pronunciei sobre esse assunto aqui no blogue.

 

Sempre que acontece algo desse género paira sempre a dúvida sobre estes animais, nossos companheiros fieis e que nos amam e são mais tolerantes connosco do que nós com eles. Como é óbvio existem alguns espécimes caninos que fogem a este perfil, mas quanto a isso existem mais humanos a fugir a um perfil considerado "amigável".

 

Nas minhas pesquisas encontrei um vídeo sobre a devoção e o cuidado que os cães podem ter com as crianças. Vale a pena assisti-lo, apesar de algo longo, e verificar que de facto eles podem ser espectaculares. Talvez não seja de propósito que o cão do vídeo seja um Labrador, uma das raças mais populares pela sua amabilidade e doçura. São muito requisitados para ajudar pessoas com alguma incapacidade, física e/ou cognitiva e há pouco tempo li uma reportagem que falava que estavam a requisitá-los para ajudar pessoas com Alzheimer.

 

Eu tive um Labrador, não sendo o meu primeiro cão, o sei é que ele foi o animal mais doce, meigo, atento e companheiro que já encontrei e adorava o meu filho, aliás todas as crianças o faziam derreter.

 

Não é difícil tentar perceber porque é que eu gosto tanto de cães. Assim, destes que sabem ser companheiros.

Lógica infantil

Existe alguma lógica infantil que me ultrapassa de todo, bem tento lembrar-me de como era quando eu era criança, mas há dias que o meu tento não consegue...

 

1 - Porque  é que têm sempre fome na hora de ir para a cama?

Nem que tenham acabado de jantar, dá-lhes sempre a fome! Ou a sede....

 

2 - Porque é que quando não estão a fazer nenhum e pedimos ajuda arranjam sempre forma de aparecerem as mais diversas tarefas da escola? Sim, porque sabem que "as tarefas das escola estão em primeiro lugar."

 

3 - Porque é que se esquecem de puxar o raio do autoclismo mas não se esquecem dos nomes dos Gormitis todos?

 

4 - Porque é que quando não gostam de uma refeição lhes dói a barriga? SEMPRE!

 

5 - Porque é que perdem tantos casacos? E sobretudo, NUNCA se lembram quando os viram pela última vez...

 

6 - Já agora, porque é que não querem levar o casaco para a Escola? É por não  terem frio ou para evitar a reprimenda do casaco perdido?

 

7 -  Porque é que é um sarilho para irem para o banho e outro sarilho para saírem dele?

 

8 - Porque é que as nódoas de gordura param sempre na melhor camisola? Especialmente na que vestem a estrear!

 

9 - Porque é que  (MEU DEUS porquê) é um sarilho para arrumarem as sapatilhas num cantinho? De preferência no quarto...

 

10 - Porque é que a roupa suja do saco da ginástica só sai deste no próximo dia em que o saco vai ser novamente necessário?

 

11 - Porque é que são tão amorosos? É que assim é difícil ralhar! =)

O mundo nas mãos

Corria um Abril quente, abafado... mesmo assim ela quis sair, estava farta, achou que já era tempo!

Uma criança com vontade de mudança veio ao mundo. Cedo lhe trataram fazer ver que o mundo não muda, mesmo assim ela ficava horas acordada a pensar como iria fazer entender os adultos que se deve ouvir as crianças! Que  o mundo, visto ao seus olhos, não é assim tão complicado, os adultos é que parecem ter o dom de complicar.

 

Ela fazia perguntas que ninguém ainda lhe tinha respondido, Porque é que há pessoas que passam fome?

Porque é que há guerras por causa de um pedaço de terra? De uma fronteira? Afinal o mundo não é grande? Não é suficiente para todos? Então se morre tanta gente em lutas e guerras, não é mais difícil fazer as coisas assim? Porque não se sentam e conversam?

Porque é que preferem ver morrer pessoas, gente sua? Porque é que há pessoas que não se preocupam com o planeta? Afinal ele não é de todos! Não deveríamos respeitá-lo? Não deveríamos saber ouvi-lo? Se eu ouço, e sou pequenina, os outros também o devem ouvir! Ou será que não querem escutá-lo?

 

Apesar de se terem passados alguns anos essa criança não cresceu, é daquelas que não cresce! Há meninos e meninas assim. Continua ainda hoje a fazer as mesmas perguntas e a esperar respostas. Ainda hoje pensa no que pode fazer para que a entendam, para que percebam que o mundo aos seus olhos é simples, é assim

 

Imagem retirada daqui

 

Não importando o credo, a cor, se se é grande ou pequeno, se se é mulher ou homem, todos devemos estar de mãos dadas, unidos por um bem maior, por uma utopia!

Sabendo que as crianças são o nosso futuro e por isso estão tão bem representadas nesta imagem de união.

Será que não podemos ver que há caminhos diferentes para trilhar?

Será assim tão difícil ou os adultos é que gostam de complicar?

 

O meu tento bem tenta perceber, obter respostas, mas o meu tento não consegue... mas não deixará de tentar! Não deixará te tentar por mais que lhe digam que é impossível, que é dificil! Porque temos que ter uma utopia, porque afinal é ela que nos faz caminhar.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D