Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

Eu tento, mas meu tento não consegue!

Sabendo que nem sempre vou conseguir ir aos vossos espaços, mas nunca vos esquecendo e sempre tentando...

Uma réstia de sol...

Imagem retirada da net (obrigada a quem a disponibilizou e teve o bom gosto de realizar os diálogos)

 

Nem de propósito! Depois da minha divagação pelo mundo das andorinhas e das estações no post de ontem eis que hoje surge uma réstia de sol!

 

Claro o tema Miguel Relvas! O homem do momento! Decidiu "por vontade própria" sair do Governo. Pois....

Farto mas é de ser o bobo da corte, é o que é! Farto de ouvir Grândola, é o que é!

E cá para mim com as costinhas quentes e com poleiro certo noutro local!Sai, mas não de cabeça levantada e sim com o rabo entre as pernas!

 

Um homem  que envergonhou, não que eles precisem desse favor, a classe política, o cidadão comum para não dizer o País!

O exemplo vivo da "chico-espertice", do aproveitadorismo, do lambe-botismo (ou botismo que dá a lamber, já nem sei) uma nódoa! Já vai tarde! Muito tarde...

 

Ok! Uma réstia de sol!

 

Agora venha lá a Primavera Faxabori!!!

 

Tentem lá Fazer uma forcinha... Por favor



 

Corrupção - 1 / Honestidade - 0

 

Imagem retirada da net

 

Existiu em tempos idos um IGAL- Inspeção Geral das Autarquias Locais, e nesses tempos existia lá um Juiz que tentou lutar contra a corrupção. Eh pá! Mas lutar contra a corrupção no nosso País é tarefa para alguém invencível e com super-poderes, coisa que o Sr. Juiz não era!

 

E até descobriu que um certo Autarca quis fazer o bem à sua família! Coitado, o senhor só queria ajudar o sangue do seu sangue! Que culpa é que ele tem de existirem os concursos? E de até existir uma tal lei que fala em discriminação? O homem só não quis foi discriminar alguém dos seus. E vai daí, arranjou que o processo concursal favorecesse o seu primo, em 2º grau. Nem quero saber se fosse em 1º!

A vaga a ocupar era para chefia de uma divisão Municipal de Cultura, Turismo, Desporto e Juventude. E o senhor Autarca decidiu colocar como pré-requisito alguém que fosse licenciado em História de Arte! Claro, requisito muito importante, sobretudo para receber a módica quantia de 2540.17 Euros mês!!

 

O Sr Juíz que achou tudo isto muito estranho, quer o tal pré-requesito exigido, quer o facto de ter descoberto que quem presidiu o júri no processo concursal era primo do premiado com o cargo. Cargo esse disputado estóicamente e sem nenhuma esperança por outros concorrentes.

 

Agora pergunto, será caso único?

 

Isso não vamos ficar a saber.

Primeiro, porque o Juiz responsável que dirigia a IGAL, Orlando Nascimento, foi exonerado das sua funções. E acusado de "deslealdade institucional". Claro! Então o homem teve o azar de descobrir podres de um tipo que era o Presidente da Câmara de Penela e que entretanto virou Secretário De Estado de Miguel Relvas, sendo até o responsável pelo novo mapa das freguesias e pela lei das finanças locais (disso o homem deve perceber)!!

 

Depois, só para evitar descobertas, digamos, incómodas, e para não se correr o risco desnecessário de aparecer um Juiz que lutasse contra a corrupção e quisesse ver isto a andar para a frente. E até porque os Presidentes das Câmaras já se queixavam de perseguição. Há que extinguir o IGAL! Assim dorme tudo descansado. Se bem que quem não deve não teme....

 

Será de mim ou existirá aqui um certo padrão?

 

E já sabemos, política sempre acima da Justiça!

 

 

 

Pratica exercício físico?

Acho interessante a correria num ginásio, sua-se litradas numa passadeira e sobe-se de elevador até ao terceiro andar, anda-se 10 minutos numa bicicleta que não leva a lado nenhum e não se levanta o rabiosque para mudar de canal nem por "dá cá aquela palha", comemos que nem tolos para depois desgastar a gula desmesurada. Mas dizemos com orgulho e peito inchado "Pratico exercício físico!", e aqueles que não pagam ginásio? Sobem as escadas, esqueçam a do comando da TV que essa não é nada prática. Aqueles que se mexem durante o dia, não entram nas estatísticas dos que fazem exercício? Não entram para o estudo dos que se preocupam com a saúde?

 

E todos os dias poderemos vislumbrar maneiras de ficarmos musculados e fortes sem ter que ir ao ginásio! Vejamos o caso de Miguel Relvas, o que o senhor demonstrou  que sem se mexer muito controla todos os seus músculos (e não só...)? Exemplos a seguir certamente.

 

Será que o exercício de teclar não conta? Esse não fortalecerá?

E o exercício de andar de um lado para outro, como se o mundo fosse acabar, não conta? 

E fazer halterofilismo com o garfo e faca? E levantamento de pesos de copo? Copo cheio se faz favor.

E o exercício que o nosso dinheiro faz para se esticar todo?

 

Acho que vamos sair todos muito fortes com todo o exercício que fazemos. Sairemos também todos muito fortes da crise, já que ela nos põe a suar que nem tolos. Afinal o que não nos destrói fortalece-nos! Ah! Agora já percebi senhor Relvas! Mas tinha impressão de que de alguma forma lhe iriam causar alguma destruição? Se (hipótese muito vaga que nem sei onde fui buscar) sair do Governo terá de certeza um alto cargo à sua espera no mundo empresarial, afinal homens como o senhor darão um certo jeito. Acho que nem tentarão destrui-lo,  e se porventura o fizerem  os tentos não conseguirão!

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D